Como engrossar detergente liquido

Como acertar a viscosidade (engrossar / espessar) de detergentes líquidos

Os detergentes podem ser engrossados (espessar) com vários produtos, aqui citarei 4 componentes que são o Cloreto de sódio (sal de cozinha), Sulfato de magnésio (nome popular de Sal amargo), espessante sintético a base de Álcool Polivinílico (Viscopon) e a Hidroxietilcelulose (nome comercial de Natrosol ou Cellosize).

Hidroxietilcelulose forma um gel que dispensa o uso de sal para engrossar, o uso deste componente químico deve ser avaliado antes de começar, pois as dosagens podem variar dependendo da viscosidade desejada. Para o seu uso deve-se formar primeiro o gel na água e depois ir adicionando os demais componentes químicos da formulação. Seu maior beneficio em produtos de limpeza lava louças é que não se perde tempo na hora de engrossar o produto e também não se corre o risco de ralear, como acontece com os sais se adicionados além do necessário. Porem o custo final pode ficar mais elevado, pois possui um preço mais alto do que os sais.

Viscopon é um espessante a base de Álcool Polivinílico compatível com tensoativos aniônicos (lauril, ácido sulfônico, etc.), não iônicos (Amida de coco), catiônicos e anfóteros (cocoamidopropil betaína, betaína de coco, etc.) que são usados em formulas de saneantes domissanitários. Porem apresenta instabilidade quando associado em formulas de produtos de limpeza com branqueadores ópticos, e em formulações ácidas ou muito alcalinas acima de pH 8,5.

O uso do Viscopon para engrossar não dispensa a adição de eletrólitos, possui melhor resposta de engrossamento quando utilizado em associação com o Sulfato de Magnésio. Suas dosagens recomendadas ficam em torno de 0,5% a 2,0%.

Sulfato de magnésio age como espessante, o espessamento se dá pelos eletrólitos, é largamente utilizado na industria de detergentes domésticos, porem seu uso em cosméticos é limitado devido ao seu anion sulfato. Possui preço acessível, o que diminui o custo de produção. Quando adicionado em demasia pode ralear ao invés de engrossar. Sua forma de uso é diluído em água.

O Cloreto de sódio (sal de cozinha) é o mais utilizado para engrossar detergentes, pois é fácil a sua aquisição e possui preço bem acessível, o que diminui o custo de fabricação. O espessamento se dá pelos eletrólitos. É o mais utilizado para engrossar detergentes e shampoos. Sua utilização pode acarretar problemas de turbidez. Não agride e nem resseca os cabelos em formulações cosméticas de shampoos.

Porem o seu uso em demasia pode ralear em vez de engrossar, portanto deve ser adicionado até onde a quantidade de tensoativos na formulação suporte a sua adição. Caso o produto venha a ralear, pode-se adicionar mais tensoativo para reverter o problema.

Para uso em detergente para consumo próprio feitos de forma artesanal pode-se utilizar o sal comum de cozinha, para produtos fabricados em escala industrial usa-se o cloreto de sódio sem adição de iodo. Sua forma de uso é diluído em água (salmoura).

Mecanismo de espessamento do detergente com sais (Sulfato de magnésio, Cloreto de sódio, etc.).

Quando é adicionado o sal, o mesmo interage com a água e com as micelas dos tensoativos, formando uma especie de enlaçamento que dificulta a mobilidade das moléculas, o que resulta no efeito visual que temos, que é o aumento de viscosidade .

Quando adicionamos, por exemplo, o sal de cozinha as micelas tendem-se a se agruparem, dando assim a viscosidade.

Exemplo de formula de detergente com Viscopon:

Ácido sulfônico 600 g
Amida 60 100 g
Soda liquida 50% 160 g
Lauril éter sulfato de sódio 100 g
Viscopon 100 g
Mistura de isotiazolinonas 20 g
Cloreto de sódio 50 g
Corante qs
Essência 10 g
Água 8870 g

Modo de fazer a receita do detergente liquido com Viscopon:

Em um balde plástico adicione a água, sob agitação ir adicionando o Ácido sulfônico, misturar até ficar homogêneo.

Depois adicionar sob agitação a Amida 60 e homogeneizar. Corrigir o pH com a Soda liquida 50%, adicionando aos poucos até obter pH 6,0 a 7,5.

Adicionar depois o Lauril éter sulfato de sódio, Viscopon e misturar.

Em seguida acrescentar a Mistura de isotiazolinonas, Corante diluído em água, Essência e misturar.

Solubilizar o Cloreto de sódio e um pouco de água e ir adicionando para o acerto de viscosidade / engrossar / espessar o produto.

Misturar até homogeneização, aguardar a espuma abaixar e envasar nos frascos plásticos.

Exemplo de formula de detergente com Hidroxietilcelulose:

Produtos Químicos Quantidade
Ácido sulfônico 400 g
Trietanolamina 170 g
Amida 60 (Amida de coco) 350 g
Lauril éter sulfato de sódio 1 kg
Hidroxietilcelulose 80 g
Mistura de Isotizolinonas (Conservante) 20 g
Essência 200 ml
Corante qs
Água potável para completar 10 litros

Modo de fazer a receita do detergente gel:

Fase 1) Formação do gel: Em um balde de plástico adicione 1 litro de Água potável, a Hidroxietilcelulose e agite para umectar, adicione depois gotas de Trietanolamina, mantendo a agitação até formar um gel.

Fase 2) Em outro balde de plástico adicione 6 litros de Água potável, sob agitação adicione o Ácido sulfônico, Amida 60 e agitar até homogeneização.

Adicionar a Trietanolamina sob agitação até que o pH fique em torno de 7,0 a 7,5, para verificar o pH utilize as fitas se medir pH.

Misturar a Fase 2 na Fase 1, homogeneizar e adicionar o Lauril éter sulfato de sódio, Mistura de Isotizolinonas, Essência, Corante diluído em Água e homogeneizar.

Se formar espuma durante a preparação, aguardar até que a espuma (bolhas de ar) abaixe. Verificar o volume, caso seja necessário completar o volume com água até atingir os 10 litros. Misturar bem para que fique homogêneo.

Esta fórmula não necessita adicionar sal para engrossar, contem Hidroxietilcelulose que age como gelificante/espessante deixando o produto grosso. Dessa forma, é mais fácil de preparar, pois não necessita adicionar sal para engrossar. Querendo um produto mais espesso, aumente um pouco a quantidade de Hidroxietilcelulose durante a preparação da Fase 1.

Exemplo de fórmula de detergente lava louças com Sulfato de magnésio:

1) 800 gramas de Ácido sulfônico

2) Hidróxido de sódio q.s.p (até atingir pH 7,0 a 7,5)

3) 200 gramas de Dietanolamida de ácido graxo de coco (Amida 60)

4) Corante q.s

5) Essência q.s

6) 20 gramas de ARC ISO S (conservante)

7) 50 gramas de Sulfato de magnésio

8) Água q.s.p (até completar 10 litros)

Modo de preparo da receita do detergente doméstico:

Em um recipiente adicione 7 litros de água e a seguir adicione sob agitação o ácido sulfônico, agite até homogeneizar bem.

Corrija o pH com hidróxido de sódio (soda liquida 50%), adicionando aos poucos sob agitação até atingir o pH indicado (7,0 a 7,5).

A seguir adicione sob agitação a amida 60, o corante diluído em água e a essência (limão, maçã, etc.).

Verifique novamente o pH que deve ficar entre 7,0 e 7,5.

Adicione a seguir sob agitação o ARC ISO S, acerte a viscosidade com o Sulfato de magnésio diluído em um pouco de água, adicionando aos poucos sob agitação. ARC ISO S pode ser substituído pela mistura de isotiazolinonas, que substitui o Formol como conservante em produtos de limpeza.

Complete o volume para 10 litros com água e agite bem para homogeneizar o detergente liquido domestico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.