Assine nossa Newsletter! - Compartilhe nas redes sociais.

Formol – Formaldeído

Formol substancia perigosa para a saúde 

O Formol, que também é conhecido como Formaldeído somente pode ser utilizado como conservante em cosméticos, para conservar determinados produtos.
Outra aplicação permitida para o uso do Formol é como agente para endurecer as unhas.

O uso do Formol nos dois casos somente esta autorizado na industria, ou seja, durante a preparação do produto.
O Formol não pode ser adicionado em produtos já prontos, por isso foi proibida a venda do Formol em farmácias, drogarias, supermercados, etc.
A venda foi proibida para evitar o uso do Formaldeído em procedimentos estéticos, como acontece com a escova progressiva, onde os consumidores adicionam o produto e correm sérios riscos e danos à saúde.

A Agencia Nacional de Vigilância Sanitária proibiu o uso do Formol como alisante de cabelos, o uso no alisamento dos cabelos pode causar vários danos para quem usa o produto, assim como para o profissional cabeleireiro na hora de aplicar o produto durante o processo de alisamento dos cabelos no salão de beleza.

O Formol é perigoso, é corrosivo, inflamável, possui odor pungente e irritante.  Causa irritação nas vias respiratórias superiores, ânsia, vômito, ressecamento da pele provocando rachaduras, irritação nos olhos, inchaço, descamação e vermelhidão no couro cabeludo, queda de cabelos e muitos outros sintomas indesejáveis.

Existem produtos químicos específicos permitidos pela Anvisa para uso como alisantes de cabelos, como o ácido tioglicólico, hidróxido de sódio, hidróxido de potássio, hidróxido de cálcio, hidróxido de lítio e o hidróxido de guanidina.
Existe também uma concentração de uso permitida para cada ativo utilizado como alisante capilar.
Caso queira alisar os cabelos, procure um profissional de sua confiança e certifique-se que o produto utilizado no alisamento dos seus cabelos não contenha formol na composição.

  • José Marcos
  • Depois de trabalhar com produtos químicos por vários anos, criei esse espaço para divulgar formulações cosméticas, automotivas e domissanitárias, procurando ajudar quem deseja ingressar nesses segmentos industriais, disponibilizando material gratuito.

2 Comentários

  • Ola, atualmente, o uso do formol para conservar produtos saneantes é permitido ou proibido?
    Pesquisei na internet, mais não consegui uma explicação clara sobre o formol ser usado em saneantes. E qual a quantidade permitida para saneantes?

    • Atualmente a Anvisa proibiu o uso como conservante em produtos de limpeza. O conservante Formaldeído foi banido depois que entrou para a classificação toxicológica de carcinogenicidade da Agência Internacional de Pesquisas sobre o Câncer, a IARC, nominada pela sua sigla em inglês, International Agency for Research on Cancer.

      Mas há vários outros conservantes que podem ser utilizados em substituição ao Formol, como a Mistura de isotiazolinonas, por exemplo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.